Diante da adversidade da seca que a região do sertão nordestino enfrentou durante quase 10 anos, com grandes perdas na agricultura, a apicultura vem se destacando na região de Nazaré do Pico, a 45 km de Floresta, com a produção de mel a nível de exportação pela sua qualidade.
O destaque vem em consequência do inverno na região onde as abelhas surgem com o aparecimento da florada na vegetação da caatinga que é bastante diversificada.
Com a aproximação da seca nos segundo semestre, a apicultura enfrenta um desafio de um período logo de estiagem no sertão, que é bastante comum no semiárido cuja a importância de cultivar flores é muito significativo para manter o apiário na produção do mel.

Deixe uma Resposta

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui