A ASSOCIAÇÃO AMIGOS DE NAZARÉ DO PICO também designada pela sigla, ANP, é uma associação civil, sem fins lucrativos, que terá duração por tempo indeterminado, com sede no Município de Floresta, Estado de Pernambuco, no distrito de Nazaré do Pico e Foro na Comarca de Floresta/PE, tem seu trabalho encabeçado por CRISTINA LIRA, Socióloga com vasta experiência em Projetos sociais e extremamente identificada com as reais necessidades de Nazaré, Cristina contou com a ajuda de uma equipe multidisciplinar na formação dessa Associação, equipe essa que contou com Biólogo, Historiador, Engenheiro, Especialista em Logística, Pedagoga, Contador e Advogados.

Agora é hora das ações planejadas saírem do papel, já que todo o período da pesada e lenta burocracia foi superado, a intenção é construir uma associação VIVA, com ampla participação popular e extremamente democrática, a ANP foi pensada e planejada para o povo, as intervenções serão todas voltadas para beneficiar a população local!

A ASSOCIAÇÃO ANP tem por finalidade promover ações que favoreçam o desenvolvimento econômico-social, cultural, turístico e histórico do Distrito de Nazaré do Pico e da região do sertão pernambucano, bem como favorecer a implementação de seus objetivos.

Possui as finalidades de:
I. Estimular, apoiar, mobilizar e divulgar ações voltadas a intervenções, práticas e hábitos de vida saudáveis e sustentáveis, visando o bem estar, ética, da cidadania, dos direitos humanos, da democracia e de outros valores universais, dos associados, da população e territórios atendidos;
II. Promover Ação Civil Pública sempre que forem ameaçados e/ou violados, pelo Poder Público, os direitos dos cidadãos e das cidadãs;
III. Promover a cultura, a defesa e a conservação do Patrimônio Público, Artístico e Histórico;
IV. Contribuir para a melhoria da segurança alimentar e nutricional;
V. Desenvolver atividades de educação, de forma complementar a educação formal para crianças, jovens, adolescente, adultos e idosos;
VI. Promover a defesa, preservação e conservação do meio ambiente;
VII. Contribuir com o desenvolvimento econômico e social e do combate à pobreza;
VIII. Promover o desenvolvimento local sustentável e ecológico;
IX. Incentivar a experimentação de novos modelos sócios produtivos e de sistemas alternativos de produção, comércio, emprego e crédito;
X. Desenvolver, estruturar e coordenar o funcionamento de negócios sociais.
XI. Defender e promover os direitos estabelecidos, a construção de novos direitos e a orientação jurídica de interesse social;
XII. Fomentar e/ou participar de estudos e pesquisas, desenvolvimento de tecnologias alternativas, produção e divulgação de informações e conhecimentos técnicos e científicos;
XIII. Promover, resgatar o fortalecimento da cultura local, inclusive por iniciativas de caráter turístico;
XIV. Oferecer cursos de formação e capacitação técnica e cidadã;
XV. Estabelecer Termos de parceria, convênios e contratos firmados com o Poder Público, privado, ou e demais instituições de atuação afins;
XVI. Assinar Contratos e acordos firmados com empresa e agências nacionais e internacionais;
XVII. Oferecer Assistência sócio sanitária em geral;
XVIII. Fomentar e investir em Projetos esportivos;
XIX. Fomentar projetos agrícolas e pecuários;
XX. Constituir Rádio Comunitária com intuito de difundir ideias, elementos de cultura, tradições e hábitos sociais da comunidade através da execução de serviço de radiodifusão comunitária
XXI. Desenvolver ações para arrecadar fundos e recursos necessários ao funcionamento da ANP.
XXII. Prestar serviço de utilidade pública integrando-se ao serviço de defesa civil, sempre que necessário;
XXIII. Desenvolver Trabalho social com seus associados e moradores das comunidades atendidas, jovens, adultos e idosos como também os deficientes, sem distinção de etnias, classe social, cultural ou religiosa;
XXIV. Promover Eventos Turísticos, como proposta para estimular e promover o desenvolvimento territorial sustentável.

Nazaré do Pico pode e deve esperar por boas novas, sabemos que o trabalho não é fácil e que todo processo de mudança é lento, mas o desejo de mudar e construir um futuro melhor é gigantesco, então é de coração leve e muita esperança no FUTURO que a ANP chega, nós temos consciência de que podemos fazer diferente, nossa proposta é inovadora e independente, vamos juntos nessa jornada. Com Nazaré do Pico, por Nazaré do Pico.

Deixe uma Resposta

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui