Items filtered by date: Maio 2018
Diante do enorme descaso com a educação dos nossos jovens da zona rural no município de Floresta, no sertão pernambucano, recebo mais uma das inúmeras reclamações que chegam até mim se tratando da falta de transportes para levar os alunos até suas escolas. Dessa vez, ouvi as reclamações e um pedido de ajuda por parte do aluno Dyego Allysson da Silva morador da Fazenda Jardim.
Em seu pedido por soluções urgentes diante da situação, Dyego relata que tem perdido muitas aulas. Assim como outros alunos que também moram nas localidades, tem sido prejudicado nas provas. Estando mais ou menos há quatro meses de ano letivo, sequer conhece direito ou sabe o nome de sua professora de Ciências.
Mesmo após ter sido publicada uma matéria com os moradores da Fazenda Pindoba que faziam reclamações pela falta de ônibus e por seus filhos estarem perdendo aulas, o mesmo vem ocorrendo na fazenda Jardim. Infelizmente, se tornou frequente ouvir esse tipo de reclamação – inaceitável.
"Estarei cobrando mais uma vez, é necessário que se torne público esse problema que vem sendo frequente e que mesmo diante a inúmeras cobranças nada tem sido feito. A educação de nossos jovens que tem o anseio de aprender e garantir um futuro melhor precisa ser colocada como prioridade.
Sabendo-se que nem todos tem as mesmas oportunidades e a mesma acessibilidade para conseguir frequentar a escola todos os dias, os representantes do município necessitam colocar uma atenção especial para que casos como esse não venham a ser esquecidos. É necessário ter empatia com o seu próximo quando se está a frente de tal responsabilidade. Continuaremos aguardando soluções da atual Gestão Municipal". Enfatizou PH Lira.
Publicado em Opinião

A bandeira de Carnaíba foi instituída em 1977, através do projeto lei nº 08/77, de autoria do vereador João Gomes de Lira, então presidente da Câmara dos Vereadores, pelo qual foi assessorado pelo Dr. Paulo Oliveira, advogado da Câmara. aprovado e sancionado pelo Prefeito Reginaldo Mendes de Souza, no dia 28 de dezembro de 1977. 
A bandeira tem a forma retangular, nas cores azul e amarelo, centro há escudo semelhante a um coração, contendo o seu bojo o desenho de um mandacaru, cacto existente em grande quantidade na região, que sobrevive a qual simboliza a fé e residência do Sertanejo, a serra dos Pereiros, por ser o mais próximo da sede do município, o Rio Pajeú, que banha a cidade e uma carnaubeira, palmeira que deu origem ao nome Carnaíba.
Há também, o sol a altura com seus rios luminosos sobre as terras áridas e férteis do município.
Quando o Tenente João Gomes de Lira foi eleito vereador, a câmara municipal funcionava num quartinho, num beco oitão no prédio da prefeitura, onde não cabia os 7 vereadores quando precisava se reunirem. A primeira providência de seu João foi desvincular a Câmara e alugar um espaço adequado para dar a independência necessária a funcionalidade da entidade.
Assim fez, ao mesmo tempo que equipou o espaço com móveis e outros recursos necessários.
A partir daí , tratou de instituir respeitabilidade a esse poder e a autonomia que não havia . Criou medidas como a proibição de vereador entrar armado e com roupas inadequadas, fez calendário de reuniões, organizou livro de tombo para registro do patrimônio , apresentou requerimento e foi aprovado o nome da Câmara CASA MAJOR SATURNINO BEZERRA.

Projetada pelo vereador João Gomes de Lira
Desenho esboçado por Hamilton Amaral de Lira
Pintura feita pela artista plástica Diomar Dantas
Montagem e costura elaborada por Gisélia Amaral de Lira  



Curiosidades sobre a criação da bandeira de Carnaíba-PE:



Hamilton Amaral de Lira é o responsável pela criação da arte da bandeira oficial de Carnaíba, veja algumas algumas curiosidades que ele relata:

"A bandeira, pai (Tenente João Gomes de Lira) queria com um pé de árvore e o leito do rio Pajeú;
Então subi em uma árvore para visualizar o rio que vem ali depois de onde era o sitio de Zé Balbino de dona Salomé;
No outro lado da pista, na entrada de Carnaíba que vem de Afogados da Ingazeira,
foi feito o rascunho em cima de uma árvore para ter a visão do percurso do Rio com suas pedras."
                                                     

                                                                                                                  Hamilton A. de Lira

 

 

 

Publicado em Região

Durante as últimas semanas, a população florestana foi bombardeada por informações acerca de uma emenda do deputado estadual Rodrigo Novaes. Segundo Rodrigo, o recurso público dependia do envio de documentos por parte da Prefeitura Municipal para que a compra de quatro ambulâncias pudesse ser realizada.

O parlamentar usou as redes sociais e até um outdoor para criticar o prefeito Ricardo Ferraz com a frase: “Coloquei recursos para a aquisição de 4 ambulâncias para Floresta, mas o prefeito não quer ajudar o povo”.

Neste sábado (5) a Prefeitura de Floresta emitiu uma nota alegando que não havia recebido a solicitação de tais documentos oficialmente e que após o ocorrido providenciou e entregou a “papelada” com mais de um mês de antecedência do prazo estabelecido pela Secretaria Estadual de Saúde.

Antes da Prefeitura receber o ofício constando todas as informações para o encaminhamento do processo, já havia outro ofício informando a não entrega dos mesmos”, diz a nota publicada pela assessoria de imprensa no Facebook.

Durante este período de tempo acompanhei o assunto à distância, mas preocupado com o nível de política que o Brasil e em especial Floresta está chegando. Não vou ocupar o tempo dos meus leitores justificando quem está certo ou errado (Quem desejar pode deixar seu comentário abaixo do post). Só acho que precisamos de menos palavras e mais ações dos grupos políticos da cidade. Peço aos gestores políticos que cumpram seu papel e deixem de “picuinhas”. Pronto, falei.

Por Elvis Lima
Jornalista

Publicado em Opinião

Nazaré do Pico é o 3º DSobreistrito de Floresta, no Estado de Pernambuco. Seu acesso é na rodovia PE-390 que interliga as cidades de Serra Talhada e Floresta. Nazaré fica a 54 km de Serra Talhada e 45 Km de Nazaré.

Galeria de Fotos